Convite para reorganizar o Fórum de Literatura, Livro, Leitura e Bibliotecas

CONVITE_FLLLEC1

Com o objetivo de reorganizar seus trabalhos para construção e desenvolvimento da Política do Livro, o Fórum de Literatura, Livro e Leitura do Ceará – FLLLEC se reunirá, segunda-feira, dia 12 de junho de 2017, às 14 horas, no auditório do 6° andar da Secult-Ce, na Rua Major Facundo, 500 – Centro – Fortaleza/CE . 

Fomos instados a reativar os trabalhos de mobilização da categoria em favor do desenvolvimento de Políticas Públicas para a linguagem Literatura. A provocação partiu de Luana Oliveira, mediadora responsável pelo Clubinho de Leitura.

Assim sendo, FLLLEC  e o Clubinho de Leitura convidam escritores, livreiros, editores, gráficos, capistas, tradutores, bibliotecários, mediadores de leitura, ilustradores, gestores municipais e estaduais, associações de classe, academias, sindicatos ligados às cadeias Mediadora, Produtiva e Criativa do Livro e demais interessados para reunião que terá como pauta:

  •  Informes Gerais do FLLLEC;
  • Informes sobre o Cenário da Política do Livro;
  • A reorganização do FLLLEC.

Solicitamos que os interessados confirmem sua presença preferencialmente até o dia 12/06/2017, às 10h, via email: 

No corpo da mensagem deve constar:

  • Nome:
  • RG:
  • Localidade de origem:

Observação:

Maiores detalhes acessem as etiquetas “Documentos do FLLLEC”, “Regimento do Fórum de Literatura”, “Estatuto”, “Sobre o FLLLEC”, localizadas no topo deste sítio:

www.forumdeliteraturace.wo​rdpress.com.br

Contamos com a participação de todos!

Da Comissão de Reorganização do FLLLEC

Luana Oliveira – 85.98160.2346

Kelsen Bravos – 85.99623.7577

I Feira do Livro de Crateús – FLIC

Com uma programação de acesso gratuito plena em contação de histórias, lançamentos de livros, oficinas, palestras e muito mais, a I Feira do Livro de Crateús – FLIC, que homenageia o poeta Bento Raimundo Dias, demarca o calendário cultural brasileiro da promoção do livro, da leitura, Literatura e das artes em geral. A FLIC congrega artistas do Distrito Federal, Fortaleza, Tauá e Crateús numa enriquecedora troca de saberes e fazeres entre artistas, estudantes e o público em geral. Confira:

Convite Flic.cdr

I Feira de Livros de Crateús – FLIC

Homenageado: Bento Raimundo

Dias 18 a 21 de novembro de 2015

Local: Praça Gentil Cardoso

09:00 às 22:00h

Programação

Dia 18/11/2015 – Organização Geral da I FLIC

Dia 19/11/2015

19:00 às 22:00

Palco

Voz e Violão – Ernesto Teixeira

Cerimônia de Abertura da I FLIC

Show com Dideus Sales e Toni Moraes

Dia 20/11/2015

09:00 às 12:00

Palco

Dança: Uz Inovadores/Black Citi (09:30 às 10:00)

Recital: Paulo de Tarso (10:00 às 10:30)

Circo: Palhaço Geleia (10:30 às 12:00)

Teatro

Show Quem quer brincar comigo? Com Tino Freitas (09:00 às 09:40)

Histórias do Coração com Teddy Williams (10:00 às 10:30)

11:00 às 12:00

Teatro

Leitura dramatizada do Romance do Vaqueiro Voador– João Bosco Bezerra Bonfim

14:00 às 16:00

Palco

Dança: New Dance/Príncipes do Gueto (14:30 às 15:00)

Recital: Paulo de Tarso (15:00 às 15:30)

Circo: Palhaço Geleia (15:30 às 17:00)

Teatro

Show Quem quer brincar comigo? Com Tino Freitas (14:00 às 14:40)

Show Quem quer brincar comigo? Com Tino Freitas (15:00 às 15:40)

16:00 às 17:00

Teatro

Poesia em voz alta: arte, reflexão e emoção – João Bosco Bezerra Bonfim

19:00 às 20:00

Teatro

Grupo de Flauta CAIC

Debate: Mediação de leitura e letramento literário – João Bosco Bezerra Bonfim e Tino Freitas

19:00 às 22:00

Palco

Roda de Capoeira Raízes do Brasil (19:00 às 19:40)

Palhaço Geleia (19:40 às 20:00)

The Madrugas / Take me Out (20:00 às 22:00)

Dia 21/11/2015

09:00 às 12:00

Palco

Contação de Histórias: Márcio Elias (09:00 às 09:40)

Circo: Impacto Show Cirque (09:40 às 10:20)

Show Quem quer brincar comigo? Com Tino Freitas (10:20 às 11:00)

Lançamento de Livro: João Bosco e Tino Freitas (11:00 às 12:00)

Teatro

Conversa com escritor: Elias de França e Éricson Fabrício (09:00 às 10:00)

Encontro do projeto Ciranda das Coisas do Coração (10:00 às 12:00)

Contadores de Histórias de Hidrolândia-CE

14:00 às 17:00

Teatro

Encontro com Escritores

Recital: Paulo de Tarso e Lucas Evangelista

Lançamento de Livros: Zacarias Bezerra

Palestra: A importância da literatura no contexto atual – Júnior Bonfim

Palco

Contação de Histórias: Márcio Elias (14:00 às 14:40)

Circo: Retalho Show Circus traz a Cia. Circense Harlley Dance (14:40 às 16:00)

Palco: Associação Arte Ceará Capoeira (16:00 às 17:00)

19:00 às 22:00

Cerimônia de Encerramento da I FLIC

Homenagem ao Bento Raimundo

Show com Igor e Edvânio

19, 20 e 21 de novembro

Stands com vendas, troca e exposição de livros!

Participação de editoras e livrarias!

Participe!

Traga sua família!

Entrada gratuita!

flic – programação

 

Programação da Rede Nordeste do Livro, Leitura e Literatura na XI Bienal Internacional do Livro do Ceará

bienal

DIA 11 (10h00 às 12:00)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC – Panorama da indústria do livro na era Digital – Ednei  Procópio e Carlo Carrenho – Mediação: Flávio Martins

DIA 11 (14h00 às 15h50)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC – Organizações sociais e a mediação da leitura (depoimentos de 3 ONGs que trabalham a mediação da Leitura)

DIA 11 (16h00 às 17h50)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC – Organizações sociais e a mediação da leitura (depoimentos de 3 ONGs que trabalham a mediação da Leitura)

DIA 12 (10h00 às 12h00)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC  – O papel das pequenas e médias editoras e livrarias na inovação do mercado editorial brasileiro: Karla Melo (Ed. Confraria do Vento, Afonso Martins (ANL), Flávio Martins (Ed. Conhecimento) –  Mediação: Mileide Flores

DIA 12 (14h00 às 15h50)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC – O direito que ampara a literatura – da política do livro ao direito autoral: Carolina Campos e Kelsen Bravos

DIA 12 (16h00 às 17h50)

FÓRUM RNELLL/FLLLEC – O Escritor em Pauta – Cleudene Aragão, Vânia Vasconcelos e Carlos Vazconcelos

18h00

Encerramento com a retirada de um documento a ser entregue ao próximo Secretário de Cultura.

Pontos de Leitura e Bibliotecas Comunitárias na TEIA 2014

Teia da Diversidade 2014, ocorrida em Natal (RN), nos dia 19 a 24 de maio, reuniu  2.5 mil Pontos de Cultura e contou com cerca de 3 mil participantes nos fóruns temáticos. Fizeram parte da programação mais de  270 atividades, entre elas algumas votadas diretamente para os Pontos de Leitura e as Bibliotecas Comunitárias.

A Diretoria de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (DLLLB), participou das seguintes atividades: – Fórum Nacional dos Pontos de Cultura; – Gt do Livro, Leitura, Literatura; – Seminário Nacional de Acessibilidade em Equipamentos Culturais; – Fórum dos Gestores dos CEUs.

Além disso, realizou 2 oficinas especificamente voltadas para os Pontos de Leitura e Bibliotecas Comunitárias: uma sobre mediação de leitura e outra sobre formação de acervos e, promoveu uma roda de conversa onde estiveram  presentes mais de 70 agentes culturais que atuam nessa área.

A roda  teve início com uma mesa sobre políticas públicas para a área do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, com a presença de José Castilho, Secretário Executivo do PNLL, Fabiano dos Santos Piúba, Diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas do MinC, a Deputada Fátima Bezerra, da Frente Parlamentar do Livro e Leitura, o Mestre Janete, representante do Gt do Livro, Leitura e Literatura na Comissão Nacional dos Pontos de Cultura, Edgar Borges, representante do Colegiado do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas na Comissão Nacional de Políticas Culturais, e Marco Túlio, representante do Ponto de Leitura, Borrachalioteca de Sabará, MG.

 A roda de conversas foi um momento importante pois possibilitou a troca de experiências, o debate sobre as ações e políticas da área, além da formulação de propostas e definição de estratégias de articulação deste segmento com o MinC. Ao final, foram eleitas as propostas prioritárias que foram incorporadas no Diálogos da Cidadania e Diversidade, documento final da TEIA.

Além disso, é importante destacar que parlamentares que compareceram ao evento se comprometeram a agilizar a aprovação do Projeto de Lei Cultura Viva e a dar andamento ao trâmite da PEC 150, que trata da vinculação de recursos de orçamento da União para a Cultura.

A seguir apresentamos os resultados desse trabalho:

Ações Prioritárias para o Segmento

 1. Apoio à instalação e modernização de Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura, em três categorias:

a)    Modernização: premiação anual, no valor mínimo de R$ 40 mil reais, para as Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura. Com o valor do prêmio, cada proponente premiado poderá: adquirir novos acervos, equipamentos e mobiliários; realizar o tratamento e informatização de acervos; pagar custos de manutenção (despesas administrativas); pagar equipe; investir na aquisição e manutenção de uma sede própria, veículo e realizar atividades culturais de promoção da leitura e a informação; entre outras ações;

b)    Instalação de novos Pontos de Leitura: apoio aos governos locais para instalação de novos Pontos de Leitura em unidades prisionais; hospitais; abrigos para menores; abrigos para pessoas em situação de rua; entre outros espaços públicos com circulação de pessoas;

c)    Apoio para instalação de Ponto de Leitura, em todos os espaços que abrangem o Programa Cultura Viva:. Prever para as novas ações do Programa Cultura Viva, um recurso suplementar especifico para instalação de um Ponto de Leitura, que atenda às necessidades de informação local. Sugestão de que o valor seja de dez mil reais.

2. Formação periódica para as Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura: oferecer formação presencial e a distância de diversos temas importantes para o desenvolvimento do trabalho, tais como: formação de gestão em equipamentos culturais com ênfase em bibliotecas; formação e tratamento de acervos; mediação de leitura; elaboração de projetos; entre outros.

 3. Apoio via edital para realização de intercâmbios entre as Bibliotecas Comunitárias  e/ou Pontos de Leitura: visar o compartilhamento de metodologias de trabalho, troca de experiências, aprimoramento e divulgação das ações realizadas.

 4. Criação do Vale Leitura: em parceria com os demais Ministérios visando a construção de uma prática leitora nas famílias. Sugestão que seja incorporado ao Bolsa Família, um valor X, para ser destinado a aquisição de livros pelas famílias.

 5. Criação de um programa para a redução dos custos dos livros, isto não significa uma reedição do livro, para uma versão mais barata, mas sim livros com a mesma qualidade gráfica com custos menores.

  

Estratégia de articulação com o Sistema Nacional de Cultura

1. Rede virtual – driação de uma página no site do Sistema Nacional de Bibliotecas, da DLLLB exclusiva para as Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura. Que nesta página, conste o  histórico deste apoio, e encaminhe para a rede virtual dos Pontos de Leitura, onde eles poderão postar suas atividades, debater temas específicos da área, e continuar esta troca de informação e contatos. Inicialmente sera utilizada a plataforma do facebook para a formação dessa rede.

2. Realização de encontros regionais para as Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura, no sentido de encaminhar propostas para a realização de um Fórum Nacional Bienal desta rede. Para tanto a proposta pressupõem a formação, organização de redes estaduais para a efetivação do processo dos encontros regionais e nacionais.

 3. Garantia de participação das Bibliotecas Comunitárias e/ou Pontos de Leitura em todos os encontros promovidos pelo MinC, tais como:Conferencia Nacional da Cultura, Conferência Ibero-americana de Cultura; TEIAS; Encontros de Juventude; Conselho Nacional de Politicas Cultuais, entre outros, sendo que a representação dos Pontos de Leitura seja indicada pela Rede dos Pontos de Leitura.

Clique aqui para saber mais sobre as ações do MinC na área de Bibliotecas Comunitárias e Pontos de Leitura.

Fonte: Portal do SNPB

Prêmio Literário José Lins do Rego

Estão abertas as inscrições para o Prêmio Literário José Lins do Rego. Até 05 de setembro, os interessados podem inscrever obras nos gêneros de romance ou novela; poesia; infanto-juvenil; dramaturgia; ensaio literário; conto ou crônica. O projeto é uma iniciativa da Fundação Espaço Cultural (Funesc) em parceria com a União Superintendência de Imprensa e Editora (A União). O concurso é destinado exclusivamente para autores naturais da Paraíba, que morem ou não no estado. Confira:www.funesc.com.br