A 8ª edição do Prêmio Viva Leitura contemplou com o prêmio de R$ 25 mil iniciativas de Belém (PA), Porto Alegre (RS), Brasília (DF) e Santa Cruz do Sul (RS), dentro das quatro categorias que compõem a premiação. Além deles, outros cinco projetos conquistaram a menção honrosa José Mindlin.
 
Houve um total de 1.467 projetos inscritos nas quatro categorias. Na categoria 1, Biblioteca Viva, o projeto vencedor foi o da Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha, intitulado Tornar visíveis os invisíveis, um desafio instigante: experiência da Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha e do Centro Pop. O espaço, localizado no pequeno distrito de Icoaraci, no município de Belém, conseguiu atrair população em situação de rua, que passou a participar de diferentes atividades na biblioteca: oficinas, exibição de filmes, saraus literários e empréstimo de livros e CDs. Um dos fatores para essa atração foi a pactuação de confiança de empréstimos sem exigência de comprovante de residência.
 
Na categoria 2, Escola Promotora de Leitura, o primeiro lugar ficou com a Escola Municipal de Ensino Fundamental Leocádia Felizardo Prestes, estabelecimento de ensino pertencente à Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre (RS). O projeto Pacto pela Leitura – Formação de Pais Leitores, coordenado pelas professoras Cláudia Sepé e Sandra Holleben, levou os pais dos alunos de uma área de grande vulnerabilidade social a participar ativamente das atividades de leitura com os filhos em fase de alfabetização. O intuito era tornar a leitura uma prática que não se esgotava na escola, o que impulsionou os adultos a voltar a ler e acompanhar seus filhos.
 
Na categoria 3, Territórios da Leitura, quem levou o prêmio foi o projeto Literatura Cura, do Instituto Chamaeleon, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) de Brasília que usa a leitura como instrumento para ajudar a curar traumas com crianças e adolescentes vítimas de abuso e violência sexual, bem como em mulheres vítimas de agressão moral e psicológica. Atividades como curso e oficinas de contação de histórias, produção de textos, criação de poesia e leitura dramática foram realizadas no espaço com acompanhamento de psicólogos e pedagogos capacitados para o gerenciamento e acompanhamento dessas ações.
 
E na categoria 4, Cidadão Promotor de Leitura, o projeto À Flor da Pele foi o vencedor. Coordenado por Marli Silveira, sua proposta é promover criatividade, humanização e desenvolvimento intelectual das detentas do Presídio Regional de Santa Cruz do Sul (RS) com a elaboração de revistas e filmes, resultado de oficinas de textos, poesias, rodas cantadas, saraus poéticos e tardes de leitura realizadas com as detentas.
 
Os projetos Exposições Literárias Itinerantes, de Minas Gerais; Brinquedoteca Pública Municipal, do Ceará; Verdade Aberta, de São Paulo, Tear de Histórias, do Rio de Janeiro, e Kombina, do Rio Grande do Sul, ganharam a menção honrosa José Mindlin.
 
Além dos premiados, os projetos dos outros 16 finalistas das quatro categorias serão apresentadas no catálogo do prêmio – iniciativa dos ministérios da Cultura (MinC) e da Educação (MEC) que conta com a parceria da Organização dos Estados Ibero-Americanos para Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) e o apoio do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), da União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e da Fundação Santillana.
 
Nesta 8ª edição, dos projetos inscritos, 1.162 foram habilitados e 305 inabilitados. Dos 11 recursos apresentados na primeira fase (de habilitação), dois foram deferidos. Já na segunda fase (de seleção), os cinco recursos apresentados foram indeferidos.
 
Sobre o prêmio
 
Elaborado em 2006 como desdobramento do Ano Ibero-Americano da Leitura, o Prêmio Vivaleitura integra o Plano Nacional de Livro e Leitura (PNLL), com objetivo de estimular, fomentar e reconhecer as melhores experiências que promovam a leitura no País.
 
A cerimônia de premiação deverá ser realizada em abril, em Brasília. Mais informações em www.premiovivaleitura.org.br.
 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s