Por uma cidade de afetos e gentilezas. A partir desse desejo, a Prefeitura Municipal de Fortaleza tem a honra de convidar aqueles querem se perder nas veredas da leitura a participarem de um momento especial de troca e partilha: a Festa do Livro e da Rosa. Em sua sétima edição, e pela segunda vez promovida pela Secretaria de Cultura de Fortaleza, a Festa desabrocha na Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira, ao longo do dia 23 de abril, segunda-feira, a partir de 14h. Como parte da política de incentivo ao livro e à leitura, implementada pela Coordenação de Literatura da Secultfor, o encontro, aberto ao público, prevê conversas entre escritores, rodas de leituras, palestras e apresentações musicais.

Em Fortaleza, a Festa do Livro e da Rosa, evento de fomento à leitura, é comemorado no Dia Mundial do Livro, data instituída em 1993 pela UNESCO e que lembra a morte de Miguel de Cervantes e de William Shakespeare, em 23 de abril de 1616. Na Catalunha, o 23 de abril, além de ser o dia do padroeiro, Sant Jordi (São Jorge em catalão), é também o dia das rosas e dos livros. A tradição consiste em oferecer rosas e livros às pessoas que se estimam. Com quase 80 anos de existência, atrai leitores de todas as idades e o interesse absoluto de todas as livrarias da cidade, que montam stands nas principais ruas de Barcelona, enquanto os vendedores de rosas se espalham por praças e esquinas. Não é feriado, mas as pessoas saem mais cedo do trabalho para comprar o livro a ser dado de presente, o que confere um clima festivo ao lugar.
Esse espírito de troca será transportado para a Biblioteca Dolor Barreira, que em abril de 2012 comemora os três anos de sua reinauguração. Acreditamos que o ambiente da biblioteca não seja apenas aquele que guarda e protege acervos, mas que promove o poder encantatório da literatura, permite encontros entre modos de vida e linguagens artísticas. Por isso, nesse dia 23 de abril contaremos, às 20h, com um show especial da Banda Mobília, um grupo criado em 2006 e que desenvolve um trabalho autoral que remete a vários estilos, épocas, cores e lugares. A banda usa de vários elementos sonoros com o intuito de dar às canções arranjos que entrem em sintonia com um esmerado trabalho com as letras, verdadeiros poemas.
Numa referência direta ao costume catalão, distribuiremos rosas para o público da Festa. Recomendamos que para a brincadeira ficar completa, as pessoas doem um livro não-didático para formar o acervo das bibliotecas que estão sendo construídas no Autran Nunes e no Conjunto Ceará, numa parceria entre a Prefeitura Municipal de Fortaleza e o Ministério da Cultura.  

Como parte de sua formação, também participarão da Festa do Livro e da Rosa os futuros Agentes de Leitura de Fortaleza, jovens de 18 a 29 anos selecionados para atuarem – a partir de junho deste ano – como mediadores de leitura em áreas periféricas da cidade. Este projeto também é fruto de uma parceria entre a PMF e o MinC e atenderá, através de visitas domiciliares, 1.500 famílias, em um ano.

Um momento de grande importância para a integração entre as políticas de Educação e Cultura do Município será o lançamento do Concurso Literário de Fortaleza, através da parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e a Secultfor, um investimento de mais de R$450.000 no incentivo à produção literária e ao mercado gráfico-editorial da cidade. Serão cerca de 50 (cinquenta) livros publicados nas áreas de ficção, poesia, crônica e ensaio. Além disso, a Secultfor lançará na ocasião a Cartilha de Educativa de Arte Contemporânea, um material didático vinculado ao Salão de Abril – a mais tradicional mostra de artes visuais do Ceará -, que será distribuído nas escolas públicas de Fortaleza, ressaltando a importância da formação de plateia em cultura e arte para a população da cidade. 

A Festa do Livro e da Rosa, além de comemorar o Dia Mundial do Livro, também festeja o aniversário de 286 de Fortaleza – nossa “loira desposada do sol”, no dizer antológico de Paula Nei -, cidade pela qual lutamos para que seja bela e culta, nossa “leitora desposada do sol”.

Programação

14h – Palestra “Como nascem os livros”, com o editor Álvaro Beleza.

15h – Palestra “Conservação e preservação de livros”, com a professora Juliana Buse (UFC)

16h – Roda de conversa sobre literatura galega, entre os poetas Francisco Naval e Alexandre Barbalho Mediação: professora Cleudene Aragão (UECE)

17h – Lançamento do Concurso Literário de Fortaleza e da cartilha Salão de Abril/Arte Contemporânea, com a presença dos secretário Elmano Freitas (SME) e Fátima Mesquita (Secultfor)

18h – Palestra “A vida que se conta e o conto da vida: notas bio-bibliográficas”, com a professora Sarah Diva Ipiranga (UECE). Mediação: Francélio Figueiredo (Secultfor)

19h – Roda de conversa “Metropolis” e “Crônica da Província em chamas”: livros-visões de Fortaleza”, com os escritores Anna Karine Lima e Airton Uchoa Neto. Mediação: Urik Paiva (Secultfor)20h – Ação “Letras sonoras”, leituras poéticas com configuração sonora do DJ Uirá dos Reis.

21h – Show musical com a banda Mobília.

Serviço

Festa do Livro e da Rosa/Dia Mundial do Livro

23 de abril de 2012 – das 14h às 22h

Av. da Universidade, nº 2572 – Benfica.

Entrada gratuita.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s